Por que viajar faz bem? 10 motivos por que sentimos tanta falta das viagens

Viajar faz bem para o seu corpo, para a sua mente e para as suas emoções

Todo viajante sabe que quanto mais perto vai chegando o dia da viagem, mais o coração fica acelerado, aquela ansiedade saudável aumenta e quase se torna insuportável. É a expectativa de conhecer um novo lugar incrível ou matar a saudade de uma cidade que a gente tanto amou conhecer. O contrário também é verdadeiro: nas situações em que estamos momentaneamente impossibilitados, como o caso da pandemia do novo coronavírus, e que precisamos de isolamento social, acabamos nos sentimos mal, exatamente por não podermos colher os benefícios de viajar.

Segundo a ciência, viajar faz bem para o seu corpo, para a sua mente e para as suas emoções. Está comprovado pelos mais variados tipos de estudos que tirar um tempo de férias tem muitos benefícios por ajudar, de diversas maneiras, a recarregar as energias e refrescar as ideias. Essa é a razão Jens Pruessner, PhD e professor da Universidade McGill, em Montreal, Canadá, afirmar: “Viajar não é um luxo. É um investimento em sua saúde”.

Esse é o tipo de texto não apenas para você ler, mas também para compartilhar com aquele amigo que vive te perguntando porque você é tão apaixonado por viagens. Confira abaixo os dez principais benefícios de viajar com frequência e porque viajar está fazendo tanta falta na sua vida.

1. Viajar melhora o seu currículo

Você sente tanta falta de viajar porque, além de promover oportunidades de aumentar o seu network, as viagens ajudam a desenvolver os chamados soft skills, habilidades pessoais tão desejadas no mercado de trabalho. Viajando você vive experiências que contribuem para que você se torne um profissional mais criativo, adaptável, responsável, auto-confiante e que tem uma capacidade de solução de problemas bem desenvolvida.

As experiências que você vive nas viagens servem de diferencial no mercado de trabalho

Ao ter contato com pessoas de diferentes culturas, você desenvolve a sua capacidade de relacionamento interpessoal e ganha inúmeras experiências que servirão de diferencial na hora de fazer uma entrevista ou participar de uma dinâmica de grupo, por exemplo.

2. Viajar mantém seu coração saudável

Sabe-se que doenças cardiovasculares são a maior causa de morte no mundo, atualmente. No último levantamento divulgado, a OMS estima que 17,7 milhões de pessoas morreram por doenças cardiovasculares só em 2015, um total que representou 31% de todas as mortes registradas no planeta naquele ano.

Entretanto, um estudo do National Institutes of Health’s Heart, Lung, and Blood que acompanhou por nove anos 12 mil homens com alto risco de doença cardíaca, descobriu que aqueles que tiram férias com frequência, têm 21% menos chances de morrer por qualquer causa e 32% menos chances de morrer de doenças cardíacas.

Viajar contribui para manter em dia o seu eletrocardiograma

Já o Framingham Heart Study revelou que as mulheres que tiram férias apenas uma vez a cada seis anos são quase oito vezes mais propensas a desenvolver doenças coronárias ou sofrer um ataque cardíaco do que as que tiram férias pelo menos duas vezes por ano. Ou seja, viajar faz bem para o seu coração e você nem percebe isso.

3. Viajar colabora para a sua felicidade

Viajar quebra a rotina, te faz dar uma pausa, esquecer os problemas, as obrigações do trabalho e tirar um tempo para ficar na companhia de quem você mais ama. Isso te ajuda a manter-se feliz e de bem com a vida. Essa é mais uma razão porque você está sentindo tanta de viajar.

Um estudo da Universidade de Cornell, nos Estados Unidos, sugere que apenas o ato de planejar uma viagem é suficiente para aumentar a felicidade de uma pessoa. Ainda segundo o estudo, a expectativa gerada pela chegada das férias é muito maior que a gerada após a aquisição de um bem físico, por exemplo. Ou seja, como todos nós bem sabemos, antes mesmo de viajar você já fica feliz.

4. Viajar amplia seu repertório

Há uma belíssima frase atribuída a Santo Agostinho que diz “O mundo é um livro, e quem não viaja lê apenas uma página”. Viajar te faz aprender sobre outras culturas, ter contato com o modo de vida de outros povos, te leva a conhecer obras de arte ao visitar museus, ir a espetáculos musicais, visitar parques e atrações culturais. Tudo isso e muito mais contribui para o aumento do seu background cultural, aquilo que de maneira inconsciente contribui para a sua criatividade.

Com permissão do trocadilho, viajar aumenta a sua bagagem cultural

Segundo Adam Galinsky, pesquisador e professor da Columbia Business School, “As experiências estrangeiras aumentam a flexibilidade cognitiva, a profundidade do pensamento, a capacidade de fazer conexões entre formas díspares”. A flexibilidade cognitiva e a capacidade da mente de alternar entre idéias diferentes conectando-as são componente essenciais à criatividade.

5. Viajar te coloca em contato consigo mesmo

Seja sozinho ou acompanhado, viajar é sempre uma oportunidade de conhecer não só novas culturas, mas também a si mesmo. Um dos benefícios de viajar é conhecer seus próprios limites e desafiá-los. Novas experiências podem te ajudar a encontrar significado pessoal ou despertar o seu senso de propósito na vida.

Viajando sozinho você vai viver um tipo de experiência, tomando suas próprias decisões e aprendendo a lidar com as situações inesperadas que acabam aparecendo. Viajando acompanhado você vai precisar compartilhar mais, será desafiado a negociar e abrir mão em muitos momentos. Seja só ou com alguém, viajar é sempre uma excelente maneira de descobrir como seu eu se comporta diante dos desafios que encontra. Ou seja: uma grande oportunidade de melhorar como ser humano.

6. Viajar te incentiva a aprender novos idiomas

Existe maneira melhor de aprender um novo idioma do que viajando? Estar imerso na cultura local e cercado por pessoas que querem ajudar e ensinar. Essa é a principal vantagem de se dedicar a aprender um novo idioma aproveitando as suas viagens. Aliás, especialistas dizem que aprender um segundo idioma facilita muito aprender outros.

benefícios de viajar

Além de abrir portas e aproximar pessoas, falar com nativos em sua própria língua é o melhor quebra-gelo que existe. Viajar te incentiva a pesquisar o básico da comunicação no lugar pra onde você está indo. Você começa dizendo bonjour para um francês, perdón a um argentino ou dank para agradecer a um alemão e com um pouco mais de esforço (e talvez uma ajudinha do Google Tradutor) descobre “o que significa o vocábulo poliglota.” 😜

7. Viajar fortalece seu relacionamento

Independente do destino ou tempo de duração, viajar permite que você e o mozão vivam experiências que ficam marcadas em suas memórias permanentemente. Quem viaja sabe que muitas vezes os perrengues rendem as melhores histórias e muitas risadas. Visitar pontos turísticos, tirar fotos e compartilhar atividades ajuda a moldar vocês como casal e esse é outro benefício de viajar, que infelizmente está fazendo muita falta nesse momento de isolamento.

benefícios de viajar

Levar o mozão para Paris ajuda muito a melhorar o relacionamento. Experiência própria!

De acordo com uma pesquisa da Associação de Viagens dos EUA, os casais que viajam juntos têm relacionamentos mais saudáveis e felizes se comparados com casais que não viajam juntos. Segundo o estudo, casais que viajam juntos se tornam satisfeitos em seus relacionamentos, se comunicam melhor com seus parceiros, tem mais romance e uma melhor vida sexual.

8. Viajar te ensina a gerenciar tempo e dinheiro

Viajar exige o mínimo de planejamento financeiro. Desde guardar grana, passando pela compra das passagens, escolha de hospedagem, definição do orçamento de gastos diários até a compra de moeda estrangeira, em caso de viagens para o exterior, tudo isso exige uma boa dose de gestão.

Além disso, mais um benefício de viajar é que você também aprende a gerenciar o tempo. Definir roteiros, escolher as atrações que vai visitar, os restaurantes onde vai fazer suas refeições, tudo isso precisa ser planejado se você quer ter o mínimo de controle sobre a sua viagem. Aliás, essa é uma boa oportunidade para você planejar a sua próxima viagem.

9. Viajar te ajuda a lidar com o estresse

Momentos de incertezas como esse que estamos passando podem colaborar para aumentar a ansiedade e o estresse. Isso é capaz de afetar o sistema imunológico do seu organismo e pode aumentar suas chances de sofrer com disfunção hormonal, dores de cabeça e síndrome do intestino irritável. Além disso, não tirar férias pode aumentar o seu nível de cortisol, um hormônio que acelera o processo de envelhecimento.

benefícios de viajar

Um estudo realizado nos Estados Unidos comprovou que viajar reduz o estresse de maneira significativa. Segundo a pesquisa, viajantes afirmaram que três dias após tirar férias se sentiam menos ansiosos, mais descansados e bem humorados. Segundo o estudo, esses benefícios tendem a se prolongar mesmo depois do fim da viagem. Por isso, esse siricutico tão grande e essa vontade enorme de sair por aí.

10. Viajar te apresenta novas experiências culinárias

Outro benefício de viajar e que está fazendo muita falta nesse momento é experimentar um prato típico ou guloseima do local que você está visitando. Você não conhece o sabor da pizza italiana até viajar para a Itália e provar uma pizza mais gostosa que a outra. Viajando você descobre o verdadeiro sabor da comida de um país, que de maneira geral é bem diferente das versões que temos por aqui.

benefícios de viajar

E acredite: os sabores locais que você experimenta vão servir para a fixar ainda mais as lembranças da sua viagem. Segundo a ciência, quando envolvemos todos os sentidos na experiência que vivenciamos, ela tende a ser mais marcante e significativa. Mas enquanto está em casa, aproveite para conhecer 10 doces europeus e 20 bebidas típicas que você não pode deixar de provar quando puder voltar a viajar.

Voltaremos a viajar!

Os benefícios de viajar nos transformam física e psicologicamente. Isso muda a nossa vida nos fazendo seres humanos mais felizes e completos e é por isso que ficar sem viajar nos faz tanta falta. Mas, acredite, essa é uma situação passageira. No momento certo voltaremos a viajar e curtir esse mundão que tanto nos encanta e nos faz feliz.

Meu conselho, por fim, é que você aproveite os momentos em casa para sonhar. Sonhe bastante, se inspire com bons conteúdos e aproveite para transformar esses sonhos em planejamento. Assim, quando pudermos voltar a viajar, vai ser mais fácil e muito mais prazeroso para você e para as pessoas que você ama.